Transei com meu namorado, e agora? Parte 2

Sexo Ilícito? O Preço é Alto!

Graça e paz preciosas, tudo bem?

Este texto dá continuidade ao anterior “Transei com meu namorado, e agora? Parte 1”, no qual tratei sobre os perigos sobre o sexo ilícito entre namorados na igreja, aqui abordo as conseqüências decorrentes do sexo ilícito, isto é, aquele que se dá antes do casamento.

Ressalto que o texto anterior, foi alvo de boas e más avaliações, algumas até mesmo pejorativas, a ponto de que se tornaram desnecessárias a publicação em face da falta de qualidade das palavras e das discussões.

Quero ressaltar que o texto foi elaborado, analisado, discorrido e constituído numa linha em que a orientação foi no viés de um pensar biblicamente, para que não viéssemos a tombar ante ao crime da letra, tal como o fez o irmão do filho pródigo, que ficou de fora da festa de recepção ao seu irmão, por achar ser um justo, mas injustificável.

Salvar um pecador indigno de seu pecado é mais simples do que libertar uma alma justa de sua justiça. Lembr­e-se que o patriarca Jó padeceu sob esta justiça injustificável, pois a justiça própria é o maior obstáculo para o gozo para a vida espiritual (PARANAGUÁ, 2012).

Assim, não é intenção desse texto, condenar, alvejar, apedrejar ninguém, trata-se de um texto de alerta, para que toda Preciosa reflita sobre sua vida pessoal e a dois, sendo mulher seguidora de Jesus Cristo.

Logo o texto é dirigido para aquelas preciosas que estão namorando quer com rapazes não evangélicos, quer com evangélicos, para abordar um tema a que poucas pessoas se atrevem a tratar, o sexo entre evangélicos. Quem tiver ouvidos ouça!

Ressalto desde já, que o rolo compressor não para por aí, além do pecado e dos perigos espirituais outrora tratados no texto anterior, como a fraqueza, o desânimo e a falta de comunhão, o mesmo resulta em conseqüências ainda piores, terríveis através do sexo ilícito, são elas:

Gravidez – a camisinha estourar, a pílula do dia seguinte não funcionar, tirar o pênis fora da vagina antes de ejacular, sempre pode deixar algo dentro…

Doenças – quando o sexo não é com teu esposo você nunca estará segura 100% da saúde sexual daquela pessoa, o que anteriormente, se denominava por falta de conhecimento grupos de risco, hoje se dá a denominação comportamento de risco.

A troca de parceiros, fruto do descontrole e da falta de amadurecimento para tolerar o outro pelo que o outro é; o consumo do outro pelo que outro apresenta em traços físicos e estéticos, concorre para os fins de relacionamentos de maneira prematura, o que é pior, levando consigo as cargas do que o anterior, não só doenças biológicas, mas doenças da alma.

A essas últimas, alerto para transferência espiritual, uma contaminação decorrente do desconhecimento sobre o passado do outro e do que fez suas gerações passadas, com o que mantiveram contato e com que se relacionaram. Trata-se de algo que pode originar maldições familiares e hereditárias, uma vez que: [...] porque eu sou o Senhor, teu Deus, Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos até a terceira geração e quarta geração daqueles que me aborrecem. (Exôdo 20:5)

Vergonha – o diabo sempre busca maneiras de expor o homem e a mulher de Deus que se envolvem em sexo ilícito, que uma vez permanecendo na prática do pecado, será questão de tempo até algo ser exposto entre ambos, à família ou igreja.

A questão da vergonha acompanha o homem e a mulher desde o paraíso, quando depois da queda do homem e mulher, que andavam nus, passaram a ter vergonha de expor o corpo um ao outro, o que até antes do pecado não se dava, a ordem de multiplicar a terra não lhes trazia vergonha entre si, muito menos de repreensão de DEUS, a partir de então, homem e mulher não conseguiram mais andar nus pelo mundo, tal como se dá hoje, quando os corpos são objeto de desejo e simultaneamente de vergonha.

Algumas jovens acham que expondo o corpo, com decotes, calças coladas, saias justas e curtas, podem lhe trazer qualquer homem que quiserem, mas caso o desejo for de qualquer um, o sucesso é garantido, pois o homem certo jamais tomba diante de uma vitrine ambulante com manequim de carne a mostra, portanto cubra sua nudez, não mostre e nem dê destaque aquilo que deve ser encoberto, não estou dizendo para adotarem uma burca islâmica, mas para terem bom senso, sobretudo respeito e amor próprio, seu corpo é templo do Espírito Santo.

Conserve o pudor e a pureza, porque digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula; porque o Deus julgará os impuros e adúlteros ( Hebreus 13:4)

Essas conseqüências podem não se dar nessa mesma ordem para todas vocês, já que muitas vivem mergulhadas em pecado, em oculto, mas elas serão reveladas mais cedo ou mais tarde, e ainda, depois do casamento, com conflitos frutos do namoro e que irão permanecer para toda uma vida.

Casamentos forçados sem amor – pior do que o sexo ilícito é a terrível ilusão de um casamento às pressas para dar uma resposta a sociedade e para agradar aos pais como solução do pecado. A Bíblia nos fala que maldito o homem que confia em outro homem, nunca aceite ordens de alguém que não seja de Deus para se casar com teu namorado pelo simples fato do pecado. Há igrejas que forçam ou pressionam seus membros a se casarem por haverem feito sexo antes do casamento, minha amada se não for por amor entre ambos, simplesmente NÃO CASE!

Peça perdão em face da natureza de seu pecado, porque Jesus Cristo pode perdoar aqueles que verdadeiramente se arrependem e deixe falarem o que quiserem, pois há muitos evangélicos vivendo de fracassados casamentos, vivendo uma vida de mentira, de ódio instalado dentro de casa devido a um casamento forçado pela pressão da congregação.

Preciosa, case somente por amor e não para cobrir teu pecado, porque caso o faça somente para cobrir o teu pecado, estará trazendo um problema ainda maior sobre a tua vida.

Falta De Domínio – sempre se quer mais depois da primeira vez, deixa tua hora chegar.

Aqui quero me concentrar sobre as irmãzinhas mais jovens, pois essa conseqüência é a mais devastadora e a que mais sucede as jovens solteiras que servem a Jesus Cristo verdadeiramente, porque são naturais cheias de impulsos sexuais que foram dados por Deus.

Não é mentira que o sexo é ótimo, que gera um prazer enorme, produz sentimentos de amor e desejo, traz inúmeros benefícios ao corpo, que enfim, levanta a auto-estima e satisfação na vida do ser humano em todos os níveis, mas, quando se dá com amor e DENTRO DO CASAMENTO.

Minha amada Preciosa, caso tenhas caído em pecado, ainda há graça para restaurar a sua vida, principalmente daquela que reconhece a sua dependência de Deus, que nos perdoa e restaura, caso forem confessados a ELE com arrependimento verdadeiro, pois o Senhor nos lava, redimi, liberta, cura e nos dá uma nova vida.

Para quem não teve a oportunidade de ler a parte 1 do texto: “Transei com o meu namorado, e agora?”, clique aqui!

Cleany Salazar

Cleany Salazar
Cleany Salazar
Administradora, cristã, casada. Ama Jesus e diz que Ele faz da sua história uma vida de alegrias. Aprendeu que a vontade do Senhor, e não a dela, deve sempre prevalecer.
Related Posts

Comentários

  1. Julia disse:

    Cleany, essa palavra e a do outro texto é dolorosa, mas é verdadeira! Muitas podem ter ficado pasmas com a sua maneira de falar, sem economizar palavras que exprimem a realidade. As meninas realmente precisam ouvir isso, saber que risco elas estão correndo. E é claro, nós sempre devemos ter em mente que as misericórdias do Senhor são maiores do que tudo, do que o nosso egoísmo, as nossas dúvidas. O amor dEle é bem maior e o único capaz de nos encher verdadeiramente! Quando escolhemos abandonar nossos pecados, Ele nos acolhe, não importa o que tenhamos passado! Cleany, que Deus continue te usando através de Seu Espírito Santo! Que você nunca desanime e a palavra de Deus não volta do mesmo jeito que foi! Tenho certeza que muitas se sentiram tocadas. Mas a palavra também não desce redondo… O que desce redondo é o evangelho falso que muitos têm pregado por aí. Um grande beijo!

  2. Super verdade minha gente, não tem para onde correr e para onde esconder, é isso e isso mesmo, mais do que justo todas as preciosas saberem o que é certo! Melhor que a parte 01, só a parte 02 mesmo. Parabéns Cleany, abençoou muito minha vida!

  3. J.C disse:

    Que texto maravilhoso … Eu estou precisando de ajuda ( não em relação ao tema), estou muito angustiada… uma conhecida minha sonhou que eu morria em um acidente de carro e agora meu coração está cheio de medo… porque planejava tantas coisas pra o futuro , sou universitária,sonho com minha formatura em construir uma família … O que posso fazer , tô muito angustiada

    1. Fernanda disse:

      Olá querida, paz do Senhor! Olha muitas vezes quando se sonham com essas coisas é Deus lhe avisando, e normalmente já te dando livramento. Não se preocupe, fique na vontade de Deus porque ele com certeza ainda tem muitos planos!

    2. andreia disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk uodghgbfvgnbvcdhnnshsagashhsbhxshggshhsshshshshshshshhhhhhhhhhhhhhhhmbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmbmbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbmmmmmmmmmbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmhhdhghjdfvnhjdkvnjkdvnkjdfnjkdvjnh AFFFFFFFFFIHJlffffffffffajcsdç.cjz.v ncsdhwab\gjç

      1. andreia disse:

        hkufhfjhgçariufc cbvgejfghsfl msssssser

        irtgferjhhhhhhhdtuiggggggggggggggggggggggggggggggggggggggggy888888888888888888888888rgujjjjjjjjjjjjjjjjjjjjhghfjghfdjgruweifthrejgv
        fjbhsdj,gdb

        fggggggggggggggggggggggshçotihyjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjhhttttttttttttttyrsrsrsrsrskkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        k

        h

        gjjjjjjnvjdkfvndfbndnhbdkfjvhkjnkjvnfvlsdjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjgvnghhhhhhhhhhhhhhhhhhhcdsjkfuheruitgjfjujrusjcjdiejhcfhn
        cvbbnfgbxhaansdreia juiso kdbvfgjkllk,a

  4. Simone disse:

    Olá, Gostaria de ter mais conselhos sobre esta situação, pois meu namorado não é cristão e não estou vivendo uma situação segundo a vontade de Deus e isto em entristece muito, mas ao mesmo tempo eu gosto do meu namorado e não quero abandoná-lo. Ele não é uma pessoa má e tenho esperança que ele se converta. Quero saber como posso enfrentar esta situação delicada? Bjos e obrigada.

    1. Marcia Helena Junqueira disse:

      Simone,
      Vivi exatamente a mesma situação que você! Também por medo de perder o namorado que gostava muito me entreguei a ele e também ia levando. Mesmo eu sendo cristã e ele não (achando tudo normal).
      Ele também éra uma excelente pessoa, posso dizer que éra até melhor que muitos namorados cristãos que eu tive.
      Por ele ser uma ótima pessoa (esforçado, trabalhador, de boa familia e com bom coração).
      Fui levando…levando…casei (somente no cartório), pois ele não fazia questão de casar na igreja por conta da religião dos pais.
      Enfim. Casei-me com esse rapaz.
      Viviamos até que bem. Mas eu queria ir pra igreja e ele não fazia questão.
      Eu acabava indo sozinha.
      Sentia-me triste pois queria que ele tivesse um compromisso com Deus. Via as esposas com os maridos assistindo ao culto e pensava que tinha jogado fora a oportunidade de ter tido um marido cristão.
      E eu ia me afastando cada vez mais de Deus pois os valores dele éram outros.
      Sendo assim o casamento durou 7 anos.
      Ele arrumou outra, e eu fiquei sabendo da traição quando a outra estava na maternidade tendo um filho dele. (Obs: nós já tinhamos um filho de 1 ano).
      O Divórcio foi inevitável.
      Sendo assim, lendo o que você escreveu, não posso me calar !!!
      Se conselho valer alguma coisa eu lhe digo: – Fuja de tudo o que te afasta ou possa te afastar de Deus! Renuncie mesmo esse relacionamento!
      Deus tem algo melhor pra você !!!!
      Não vale a pena ficar com uma pessoa que não tem principios cristãos. por melhor que ela “possa parecer” !!!!
      Depois de 5 anos Deus me deu um novo esposo! Um servo de Deus !!! E hoje sei totalmente a diferença entre ser casada com um cristão e um não-cristão! É TOTALMENTE diferente !!!!
      Não vale a pena viver a amarga experiencia de ter um relacionamento que não é de DEUS !!!

    2. Vanessa disse:

      Olá, passei pela mesma situação, até que Deus me respondeu num acampamento dizendo que Luz não se junta com trevas. Meu ex é uma pessoa ótima, mas me afastava de Deus sem querer, e Deus não quer que estejamos com homens assim, Deus quer o melhor pra nós, veja o meu caso, fiz a vontade de Deus, terminei o namoro e ele ta voltando pra igreja pq ainda gosta de mim, e eu vejo o agir de Deus nisso. Não sei se voltaremos algum dia, mas tenho certeza que Deus esta operando na minha vida e na dele ;)

  5. disse:

    tenho 25 anos e o meu namorado 26, li esse tema pq estamos em um momento delicado en nosso namoro, não transamos, graça a deus mais ta muito difícil estamos namorado a quase 2 anos, eu sou virgem e ele não, porem sabemos que não podemos desagradar a Deus, mais ta muito difícil, ele não estar conseguindo se controlar e não temos condições de se casar no momento. não sei o q fazer, não quero cair no pecado. podem me ajudar?

  6. Sabrina disse:

    Bom eu queria saber se a história da princesa no conto de Deus não vai ter a segunda parte !? por favor terminem a história começou muito boa :D

  7. Gleice Helen disse:

    Esse assunto é mt complicado de ser abordado!!
    Eu namoro á 7 meses , tenho 17 anos e perdir minha virgindade com o meu namorado que tem 19 , e faz 1 mes que aceitei Deus como o meu Unico Salvador! Pequei sim , sobre sexo antes do casamento , mas creio que Deus nos perdoa!! Hoje conheço um pouco sobre a palavra , mas sou ser Humano , e ainda tenho muitas tentaçoes ! O inimigo quer que a gnt caia no pecado , mas com mt fé , conseguimos enfrentar todas as dificuldades! E o mais importante! Ore e pessa mt Sabedoria! O Senhor é Doador da Graça!

  8. Rafaela B. disse:

    Eu tive meu primeiro namorado com 15 anos, ele não era virgem, tinha 19 anos, e a insistência dele por sexo, mesmo sendo cristão também, foi um dos motivos pelo qual acabei o relacionamento pouco antes de completar 1 ano. Um tempo mais tarde, tive um segundo namorado, eu estava com 17 anos e ele com 16. Esse era virgem também, mas não era cristão, apenas batizado. Entretanto, ele soube me esperar. Por mais que ele quisesse ter relações sexuais e não compartilhasse da minha fé, considerava que não seria bom se eu não estivesse segura. Em alguns momentos, ele mesmo teve a atitude de me parar e me alertar sobre o que estávamos fazendo porque ele sabia que, se acontecesse, eu ficaria mal depois. E isso não seria bom para nenhum de nós. Mas o tempo passou, e dia após dia nós fomos criando mais intimidade e fortalecendo nosso relacionamento. Aconteceu que, quando tínhamos já uns 5 anos de namoro, nós transamos, perdemos a virgindade juntos. E foi bom, foi lindo, foi com amor. Claro que fiquei um pouco mal no início, mas foi por saber que teria de esconder porque meus pais jamais aceitariam, não pelo ato em si. Hoje tenho 8 anos de namoro, com sexo, e continuo com um relacionamento estável, fiel, saudável, feliz, apaixonado, companheiro… Ainda não casamos, infelizmente, por questões financeiras, mas sonhamos muito com isso e nos esforçamos para concretizar assim que possível. Não consigo entender porquê Deus condenaria um relacionamento assim!! Não é qualquer um, não é de qualquer jeito e existe muito amor.

  9. Verdade, o caminho de Deus é estreito e vivemos num mundo de valores completamente distorcidos, há um ano atrás aceitei Jesus em minha vida, depois de uma decepção amorosa enorme, foi através de um testemunho de um casamento restaurado que me levou a Deus.
    Após nove meses na igreja, me envolvi com um rapaz do mundo que me criticava dizendo que não fazer sexo era besteira, fanatismo religioso, me fazia questionamentos que eu não conseguia responder por falta de conhecimento da Bíblia e cedi a pressão, depois de três meses ao me sentir mal, fui ao médico e descobri a gravidez.
    Nesse período o inimigo começou a me atacar fortemente, eu tinha vivido uma experiência real com Deus, como pude me deixar enganar? Deus me mostrou o que Ele havia preparado pra mim, bastava eu esperar.
    Desempregada, grávida e sim, solteira, porque ao me levar pra cama o bonito caiu fora, como ia encarar minha família? Como sustentaria uma criança estando desempregada? Como voltaria para igreja?
    Passado alguns dias, ao ver meu saldo bancário, entrei em desespero, como poderia sustentar sozinha uma criança? Porque o pai dessa criança não se importava com ela? Porque Deus não me abriu a porta de emprego que eu tanto orei? Porque minha família não estava me ajudando? Comecei a pensar em suicídio, do quanto era inútil, do quanto esse bebê seria desprezado pela minha família e em meio a lágrimas e muitas vozes na minha cabeça que me paralisavam, uma foi mais forte e me disse para que eu fosse a igreja do jeito que eu estava, e falou tão forte no meu espírito que eu fui, e Deus falou comigo tão fortemente, do quanto eu era valiosa pra Ele, do quanto Ele me amava e havia escolhido esse bebê no meu ventre pra salvar e unir minha família, e que eu não deveria me preocupar, pois a minha fonte não seria a minha família ou emprego, ou até mesmo o pai dessa criança, mas seria Ele, somente Ele.
    Depois disso inacreditavelmente voltei a dizimar, voltei a ler a Bíblia e nada tem me faltado, Deus levantou meu irmão para pagar o meu carro, pessoas me doaram roupas, ainda muitas outras irão me abençoar, tive um descolamento de placenta, muitos acharam que eu perderia o bebê, mas a minha oração e a da igreja foram mais fortes que as setas do inferno e meu bebê sobreviveu e prometi pra Deus que se Ele permitisse do meu filho crescer saudável eu colocaria o nome dele de Davi, para que ele tivesse um coração segundo o Dele, e foi que para honra e glória do Senhor estou com 25 semanas de gestação, o Davi está grande e saudável e é a maior benção que pude receber na vida, e o fato de não estar trabalhando não me impediu de abrir um ateliê chamado Costurando Nuvens, aonde tenho feito artigos para quarto de bebês e por incrível que pareça, nada tem me faltado, nem coisa grande, nem pequena.
    Acreditem meninas, vale apena esperar!!
    E mesmo que você tenha pecado, acredite, Deus é maravilhoso para restaurar a sua vida!

    Beijo no coração!

    1. Cinthia disse:

      Parabéns pelo texto ! É bom nós preciosas ficarmos avisadas sobre o perigo que o sexo antes do casamento pode nos trazer ! Somos ttemplo d o Espírito Santo e temos que nos guardar!, Pois ha muito sapo dentro da igreja se fazendo de príncipe!!
      Glórias a Deus por esse texto !! Beijos preciosas

    2. Marcia Helena Junqueira disse:

      Lindo testemunho de arrependimento e restauração!!! Glória a Deus !!!